sábado, 23 de janeiro de 2010

Feliz Ano Velho


E continuo respirando morte. Por favor não se assuste, não me assuste.
Ela passeia no meu pensamento sempre, assim como a vida me acorda quando o sonho é bom.
Aprendo quando abro os olhos depois do sono que a morte é estar viva.
Por que nós tememos tanto? Por que eu já não temo mais?
Eu morro e vivo.
Morri um pouco quando deixei de te amar ...
Morri mais uma vez quando comi bolo de chocolate pela manhã ...
Morro quando não fumo.
Vivo quando durmo.

3 comentários:

Marcela Loureiro disse...

sonhe acordada...

Cleo disse...

acordada eu morro atropelada hehehe ... brincadeirinha ... bjomeliga!

Ushas disse...

tudo passa até a morte

Linkwith

Related Posts with Thumbnails